Sem título

24

sexta-feira

maio

2024

 

Anuncie Conosco Data Center | Serviços | Portal Livros | Cidades e Países |


Polícia

Nossas Agências espalhadas pelo mundo

 

RIO DE JANEIRO - RJ

11-04-2024

Câmara decide manter prisão de Chiquinho Brazão, acusado de mandar matar Marielle Franco

 

O placar foi de 277 votos a favor e 129 contra; o mínimo necessário era de 257 votos

 

Por Jovem Pan  10/04/2024 19h49 - Atualizado em 10/04/2024 20h11

 

WILTON JUNIOR/ESTADÃO CONTEÚDO

Chiquinho Brazão foi detido preventivamente no dia 24 de março; ordem de prisão foi efetuada pelo ministro Alexandre de Moraes

 

O plenário da Câmara decidiu manter a prisão preventiva do deputado Chiquinho Brazão com placar de 277 votos a favor e 129 contra. Houve 28 abstenções. O mínimo necessário era de 257 votos, a maioria absoluta dos deputados, para seguir a recomendação do parecer, aprovado mais cedo pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Casa. Mais cedo a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados deu aval para manter a prisão do deputado federal Chiquinho Brazão (sem partido-RJ) por 39 votos favoráveis e 25 contra. Chiquinho Brazão foi detido preventivamente no dia 24 de março sob a acusação de ser, junto com seu irmão Domingos Brazão e o delegado Rivaldo Barbosa, ex-chefe da Polícia Civil do RJ, mandante do assassinato da ex-vereadora do Rio Marielle Franco e de seu motorista, Anderson Gomes, em 14 de março de 2018, no centro do Rio de Janeiro. Na época, Brazão era vereador na capital fluminense. A ordem de prisão foi efetuada pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

Saiba mais

Logo após sua detenção, no dia 26 de março, o deputado Darci de Matos (PSD-SC), relator do caso, leu seu parecer em que defendia a manutenção da prisão de Chiquinho Brazão. Ele concordou com a tese do STF de que a prisão preventiva do deputado foi decretada por atos de obstrução à justiça. De acordo com o Supremo, estes atos continuavam a ser praticados ao longo do tempo, como os que configurariam obstrução da justiça. Na mesma reunião, por videoconferência, o deputado Chiquinho Brazão se defendeu e disse que os debates que manteve com a vereadora na Câmara Municipal do Rio de Janeiro não podem ser utilizados como motivo para ligá-lo ao assassinato de Marielle. “Eu estava ali lutando para aprovar o projeto de lei que regulamentava em um período de um ano os condomínios irregulares”, argumentou. Depois da leitura do parecer de Matos, um pedido de vista coletivo adiou a votação para esta semana.

De acordo com a Polícia Federal (PF), a “repugnância” dos irmãos Domingos Brazão, conselheiro do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ), e Chiquinho Brazão em relação à atuação da parlamentar pode ter motivado o homicídio. Em relatório, a PF afirma que a atuação de Marielle afrontava “os interesses dos Brazão no tocante a políticas fundiárias, em especial, em áreas de milícia”. O ex-policial militar Ronnie Lessa, em delação premiada, apontado como o executor da vereadora e do motorista, disse que Marielle estava “atrapalhando os interesses dos irmãos, em especial, sua atuação junto a comunidades em Jacarepaguá, em sua maioria dominadas por milícias, onde se concentra relevante parcela da base eleitoral” da família Brazão.

 

 


Esta matéria possui 98 visita(s)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Últimas Notícias

 

Moro diz que não será candidato à Presidência e projeta ‘fre

 

Enchentes no Rio Grande do Sul deixam 162 mortos e 806 ferid

 

Prova de ‘Enem dos concursos’ será aplicada em 18 de agosto

 

Alunos de direito da FGV processam PornHub e XVideos por con

 

Tony Ramos tem alta de CTI e ‘segue em plena recuperação’ ap

 

Perícia aponta que ex-empresária foi responsável por falsifi

 

STF extingue ação contra o ex-ministro José Dirceu por corru

 

Adolescente suspeito de matar família em SP diz à polícia qu

 

Roseana Murray desabafa sobre dores no braço fantasma após a

 

Liverpool anuncia Arne Slot, ex-técnico do Feyenoord, como s

 



Links Interessantes


Jovem Se Sujou De Barro Para Mentir Que Dirigia Caminhonete E Proteger Irmão Bêbado Após Acidente Que Matou Gêmeos No Interior De Sp, Diz Polícia Civil

Ir Autonomo

Formigas

Escorpião

Netanyahu Chama Declaração De Lula De Vergonhosa E Diz Que Repreenderá Embaixador Brasileiro

Faculdade De Medicina Em Campinas Expulsa Aluna Condenada Por Matar Amiga

"a Sensação É De Medo", Desabafa Morador De Prédio Que Corre Risco De Desabar

Descubra Lugares Misteriosos Que Nenhum Brasileiro Pode Visitar

‘tartaruga Dinossauro’ Capaz De Quebrar Braço De Criança Vira Preocupação Entre Especialistas

Acidente Entre Carro De Prefeitura E Dois Caminhões Deixa Três Feridos

 



 

Últimas Notícias

 

Moro diz que não será candidato à Presidência e projeta ‘frente de centro-direit

 

Enchentes no Rio Grande do Sul deixam 162 mortos e 806 feridos

 

Prova de ‘Enem dos concursos’ será aplicada em 18 de agosto em todo o Brasil

 

Alunos de direito da FGV processam PornHub e XVideos por conteúdos com exploraçã

 

Tony Ramos tem alta de CTI e ‘segue em plena recuperação’ após segunda cirurgia

 

Perícia aponta que ex-empresária foi responsável por falsificar 48 assinaturas d

 

STF extingue ação contra o ex-ministro José Dirceu por corrupção

 

Adolescente suspeito de matar família em SP diz à polícia que ‘faria novamente’

 

Roseana Murray desabafa sobre dores no braço fantasma após ataque de pitbulls

 

Liverpool anuncia Arne Slot, ex-técnico do Feyenoord, como substituto de Jürgen

 

 

 

Sem título

Dúvidas ?

entre em contato

 

- Fale Conosco




Dúvidas ?

Depto de Marketing

entre em contato

 

- Depto de Marketing

Interessantes

 

IPMET(Boletim do Tempo)

 

Empresa

 

Sobre

 

 

 

 

 

 


Sem título

Portal Estiva Gerbi - SP

 

Desenvolvido por Rcorp Data Center © 2024

 

Seu IP.: 100.26.179.41